Saturday, November 12, 2005

Magic Atmosfere



Automatic Imperfection - Marlango


"I used to know this girl named Suzie Marlango. And her brother's band name was Joe Marlango."
TOM WAITS ('Cold Beer On A Hot Night / Romeo is Bleeding', Syney 1979)
Intro for 'I Wish I Was In New Orleans'

Depois do êxito alcançado com o seu álbum de estreia - «Marlango» (2004) - o grupo espanhol composto por Leonor Watling, a bela adormecida de «Hable con Ella» de Almodóvar (com outras participações de destaque em filmes como: «Son de mar» ou «A Mi Madre Le Gustan Las Mujeres»), Alejandro Pelayo y Oscar Ybarra lançou recentemente o seu segundo álbum de originais, a que decidiu dar o nome de «Automatic Imperfection».

Segundo os próprios, este trabalho reflecte as experiências vividas ao longo da digressão de apresentação do seu disco de estreia, nos concertos e viagens por Espanha, Portugal, Japão e França. Tal como já tinha acontecido no primeiro álbum, os Marlango resolveram gravar as canções de «Automatic Imperfection» de forma orgânica, com todos os músicos a tocar ao mesmo tempo, no mesmo espaço, e "del tirón", ou seja, de uma vez só. Este processo foi possível, pelo facto de as canções terem vindo a ser previamente tocadas nos seus concertos.

O som dos Marlango é de difícil definição, entre o pop, o jazz, os cabarés, os Calexico, os Radiohead, os Sonic Youth ou Tom Waits, Leonor Watling cria uma mescla de enorme bom gosto. E, tal como os próprios gostam de afirmar: "Marlango no es rock, no es jazz, no es blues… ¿Y qué? No nos importan las etiquetas." A verdade é que soam bem e merecem ser ouvidos.

Alinhamento:

1.- Shake The Moon

2.- Days Are Tired

3.- Twisted And Sick

4.- Cry

5.- I Don't Care

6.- Automatic Imperfection

7.- Beautiful Mess

8.- Pequeño vals

9.- Architecture Of Lies

10.- Tip toe

11.- Trains

12.- Wrong Way